:Licença Creative Commons

sexta-feira, junho 20, 2014

SOL

Ao SOL

Sol que me iluminas as entranhas do ser
E que enches de esperança cada amanhecer,
Sol que renovas a essência vital do coração
E que enches a minha vida de energia e emoção.
Sol que me fazes voar nas asas de um sonho alado
E ser feliz num mundo ideal por mim imaginado,
Sol que me envolves como a ternura de um abraço
E que libertas a alma de todo e qualquer embaraço.
Sol que me despertas cada dia para uma nova vida
E que me enches a alma de uma ternura doce e querida,
Sol que me fazes sorrir e simplesmente acreditar
Que amanhã haverá um novo e perfeito recomeçar.
Sol que guias os meus passos através da escuridão
Desta vida que por vezes nos quer roubar a razão,
Sol que iluminas o meu ser e me enches de certeza
Transformando a pequenez na minha maior grandeza!

1 comentário:

  1. Achei linda a poesia do sol... Em meio a tantas sensaçoes muitas emoções.

    ResponderEliminar