:Licença Creative Commons

domingo, junho 25, 2017

Só agora percebia

Excerto de um texto a integrar, quem sabe, uma nova aventura:)
Comentários, sugestões e opiniões são bem vindas :)

" (...) fora egoísta e esquecera-se dela... de cuidar dela...de lhe dar tempo, de lhe mostrar o quão importante ela era na verdade, de lhe mostrar o quanto precisava dela, o quanto a queria...na verdade, percebia-o agora, tomara-a por garantida e esse fora, sem qualquer margem de dúvida, o seu maior erro.

E naquele dia quando chegou a casa encontrou apenas o vazio...procurou em todos os cantos mas tudo o que encontrou foi a lembrança do batom dela, na mensagem deixada no espelho do quarto "Chegou o dia em que é tarde demais para voltar atrás... por isso nem tentes!"

E assim... de repente... como um murro no estômago, a realidade caiu-lhe em cima..."

domingo, junho 11, 2017

Somos quem somos



Infelizmente, ou felizmente, na realidade já nem sei, não podemos agradar a todos e nunca seremos o bastante para todos....

Para alguns falta-nos o "pedigree" necessário para entrarmos no seu círculo de amigos finos e chiques, como se caracter tivesse classe social;
Para outros falta-nos a vulgaridade e a ordinarice, que apesar de condenada às claras, às escuras satisfaz as necessidades mais escusas de cada um;
Para outros falta-nos a "finesse", essa capacidade de estar à altura da situação e de aparentar ser o que não somos;
Para outros falta-nos o saber, como se todo o conhecimento do mundo se adquirisse nos manuais de uma qualquer faculdade;
Para outros falta-nos isto...e para outros aquilo... como se tivessemos de ser todos iguais... como se tivessemos de obedecer a regras de ser e parecer...

Infelizmente, naqueles casos em que as pessoas nos julgam sem sequer saberem nada de nós, apenas porque acham que somos assim ou assado, felizmente nos casos daquelas pessoas que convivem connosco lado a lado, que percorrem os corredores da vida connosco e ainda assim não nos conhecem o suficiente para nos aceitar...

Seja como for... que se dane! Não podemos e nem queremos agradar a todos... basta-nos que aqueles que veêm com os olhos da alma saibam quem somos, que "as nossas pessoas" nos aceitem como somos e pelo que somos...basta-nos saber quem somos, gostar do que somos, lutar pelo que somos...só temos nos agradar a nós próprios... e sinto pena de quem não tem a capacidade de ver para além, de quem acha sempre que os outros são inferiores e que minimiza cada uma das suas acções, de quem acha que os outros são estupidos o bastante para não perceberem o que se passa, dos que acham que são mais e melhor que todos os outros, dos que preferem desprezar a arriscar, dos que preferem enganar, mal e porcamente muitas vezes, a ser sinceros, dos que discriminam, dos que humilham e dos que ignoram só porque isso lhes dá a falsa sensação de que estão em controlo das coisas e que são superiores a tudo e todos...

Somos como somos... e tenho pena de quem não consegue ver isso...porque esses verão sempre uma pedra feia e cheia de arestas, nunca verão o diamante precioso e brilhante!