:Licença Creative Commons

sábado, junho 06, 2009

História de um castelo em verso



És um vigilante imponente e majestoso
indiferente ao peso da já vetusta idade,
vigias com olhar protector e misterioso
cada rua, cada recanto da nossa cidade.

D. Afonso Henriques te mandou edificar
para a linde sul com estratégia defender,
em 1137 os almóadas te vieram atacar
e a Paio Guterres acabaram por vencer.

Na épica Batalha de Ourique foram vencidos
os mouros, que também te quiserem tomar,
e mais uma vez caiste na mão dos inimigos
até D. Afonso Henriques te reconquistar.

Em 1142 recebeste a tua Carta de Foral,
foste reconstruido e reforçado na estrutura,
o desenvolvimento da povoação era tal
que em 1254 houve cortes na sua planura.

Ao raiar da Restauração encheste-te de alegria
e ergueste o pendão de Portugal, orgulhoso,
mas as invasões francesas vieram um dia
e depois disso o abandono triste e vergonhoso.

Ernesto Korrodi é o nome do grande mentor
que com seus projectos te devolveu a alegria,
depois de renovado retomaste o teu esplendor
e voltaste a ser o grandioso Castelo de Leiria!

1 comentário:

  1. Com muita pena minha ainda não o visitei.Gostei da tua homenagem ao Castelo de Leiria
    Bjs
    IC

    ResponderEliminar